Publicidade


Empresários potiguares mostram-se menos confiantes em outubro

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) do Rio Grande do Norte passou de 52,4 para 51,4 pontos na passagem de setembro para outubro, mostrando que os executivos potiguares permanecem confiantes, ainda que moderadamente. O recuo na confiança deve-se tanto à percepção de piora nas condições atuais dos negócios, quanto à redução do otimismo com relação aos próximos seis meses. Os executivos da indústria da construção mostram-se mais confiantes que os das indústrias extrativa e de transformação.
No que tange aos portes de empresa pesquisados, constata-se que os pequenos empresários reportaram falta de confiança, enquanto os médios e grandes industriais estavam menos confiantes do que no levantamento de outubro. Em matéria de redução no nível de confiança, o Rio Grande do Norte acompanhou a tendência nacional, inclusive em termos de distinção por porte e por agrupamentos de atividade.