Publicidade


Câmara realiza projeto Câmara Cidadã na comunidade Barrinha


A Câmara Municipal de Mossoró realizou, na manhã dessa quarta-feira (29), o projeto Câmara Cidadã na comunidade rural Barrinha. Além da realização da sessão ordinária, serviços como orientação jurídica, corte de cabelo, foto 3×4 e vacinação foram oferecidos à comunidade.

O Câmara Cidadã foi realizado na Unidade de Educação Alvorecer e na Escola Municipal Sindicalista Antônio Inácio. Foi a primeira vez que o projeto foi realizado na zona rural de Mossoró.


A escolha da comunidade rural foi uma proposição do vereador Didi de Arnor. “Sugeri a comunidade por conhecer bem as necessidades da população local. Quero aproveitar e reconhecer os trabalhos realizados pela prefeitura em Barrinha até agora. Nosso mandato realizou diversas reivindicações que foram atendidas. Vamos seguir cobrando mais melhorias para a comunidade.”, declarou Didi de Arnor.

Maria Marcicleide, moradora da comunidade, elogiou os serviços oferecidos. “Trouxe meus dois filhos para cortar o cabelo, vamos também tirar a foto 3×4 e receber orientação jurídica. Estou achando muito bom os serviços que estão sendo oferecidos.”, disse.

Tribuna Popular

A Tribuna Popular foi ocupada por moradores da região que reivindicaram melhorias como construção de uma Unidade Básica de Saúde (UBS), ações para combater a criminalidade e o tráfico de drogas e ações sociais para a comunidade. “Pedimos ao poder legislativo que cobre do poder executivo a realização dos serviços que a nossa comunidade tanto necessita.”, disse o servidor público Manoel Lino.

A realização do projeto Câmara Cidadã é uma parceria entre a Câmara Municipal de Mossoró e a Fundação Vereador Aldenor Nogueira. Essa edição é a terceira realizada em 2017.

Vereador cobra projetos voltados para a juventude de Mossoró

O vereador Petras (DEM) utilizou a tribuna da sessão dessa quarta-feira (29) para falar sobre dois importantes projetos que foram realizados por duas instituições religiosas de Mossoró. Petras destacou ainda a importância de realizar projetos voltados para a juventude.


Dois eventos realizados em novembro foram destacados pelo edil. “Tivemos a oportunidade de participar do Acamp Jovem, realizado pela Igreja Católica e do projeto Campori , desenvolvido pela Igreja Adventista do Sétimo Dia. Os dois projetos são voltados para a juventude, combatendo e afastado os jovens de situações de risco. Ações como essas, que aproximam nossos jovens de Deus, tem que ser apoiados pelo poder público.”, disse.

Petras comentou o número alarmante de homicídios em Mossoró e região e pediu políticas públicas para afastar os jovens da criminalidade. “Temos que mudar essa realidade. A solução para a criminalidade não é só colocar polícia na rua, mas também mudar a realidade desses jovens.”.

Vereadores debatem problemas enfrentados pela comunidade Barrinha

Os vereadores da Câmara Municipal de Mossoró debateram os problemas enfrentados pela zona rural e em especial pela comunidade Barrinha, durante a sessão dessa quarta-feira (29), que foi realizada através do projeto Câmara Cidadã, em uma escola localizada nessa comunidade rural.


A vereadora Sandra Rosado (PSD) ressaltou que os problemas relatados pela população local serão encaminhados ao poder executivo. “O trabalho do vereador é lutar pelo povo. Vamos cobrar para que as reivindicações da comunidade sejam atendidas.”.

Alex Moacir (PMDB) destacou que os problemas enfrentados pela população vêm de anos. “O que falta não é conhecimento sobre os problemas, a situação da água é conhecida há anos. Vamos cobrar do município. Mas sabemos que os problemas são antigos e a prefeitura está desenvolvendo ações para resolver essas questões.”


O vereador professor Francisco Carlos (PP) também reforçou que irá cobrar melhorias para a zona rural. “Reconhecemos que as carências e as necessidades são muito grandes. Vamos lutar para que o atendimento às comunidades rurais sejam reforçados.”. Francisco Carlos também falou sobre obras na área da educação que a prefeita Rosalba Ciarlini está retomando. “Várias obras em escolas e creches estão sendo retomadas pelo governo Rosalba. A prefeita está realizando um trabalho difícil, mas está, aos poucos, conseguindo recuperar a cidade.”.

Câmara de Mossoró, Associação dos Notários e Liga de Combate ao Câncer lançam campanha para compra de mamógrafo


Por iniciativa da Câmara Municipal de Mossoró, em parceria com a Associação dos Notários e Registradores do Rio Grande do Norte (ANOREG/RN) e a Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer (LMECC), foi lançada campanha para arrecadar recursos para aquisição de um mamógrafo digital para a Liga, com o objetivo de, por meio do diagnóstico precoce, salvar a vida de cada vez mais mulheres. A campanha solidária foi lançada nessa terça-feira, 28, no Requinte Buffet.

Flávio Luís Santos, diretor do Hospital da Solidariedade, administrado pela Liga Mossoroense de Estudos Contra o Câncer, ressaltou a importância do evento para mobilizar a sociedade. “Esse evento é importante não apenas para Mossoró, mas também para a população do entorno. Prestamos esse serviço com muitas dificuldades e, nesse momento, precisamos do engajamento da sociedade. Precisamos desse mamógrafo para garantir o diagnóstico precoce e lutar contra o câncer”, disse.

Já o médico Francisco José Cury de Medeiros, chanceler da Liga, considera a aquisição do mamógrafo digital, além de um avanço, uma necessidade urgente para salvar vidas. “Com esse mamógrafo digital, nós vamos transformar a vida de muitas pessoas. Por isso, eu conclamo a união dos mossoroenses.”.

A vereadora Sandra Rosado, presidente da Frente Parlamentar de Combate ao Câncer, destacou a união de toda a cidade para viabilizar não apenas o mamógrafo, mas, futuramente, outros equipamentos necessários à Liga. “Mossoró está unida nesse trabalho. Essa será apenas a primeira campanha para adquirir equipamentos para a Liga e aliviar o sofrimento de quem tanto precisa”, afirmou.

A vice-prefeita Nayara Gadelha, representando o Poder Executivo municipal, disse que a luta para viabilizar a aquisição do mamógrafo é de toda Mossoró e reforçou a parceria da Prefeitura Municipal com a Liga. “A luta contra o câncer é de toda a sociedade. Estou aqui para dizer que a Prefeitura é parceira da Liga também nessa campanha. Vamos juntos conseguir esse mamógrafo para salvar cada vez mais mulheres”.

A presidente da Casa Legislativa, vereadora Izabel Montenegro, reforçou a necessidade de união neste momento para garantir o sucesso da campanha. “Precisamos mobilizar toda a sociedade nessa luta que tem como principal objetivo salvar vidas”, afirmou.

Como ajudar

As doações podem ser feitas para contas da Caixa Econômica Federal (Agência: 0560 – Op: 003 – CC: 90.000-9) ou do Banco do Brasil (Agência: 4687-6 – CC: 12345-5). Os interessados podem doar qualquer quantia. “Qualquer ajuda é válida e é importante que todos participem”, completou Izabel Montenegro.

Assessoria de Imprensa – CMM
Fotos: Edilberto Barros