Publicidade


Izabel Montenegro faz prestação da gestão de 2017


A presidente da Câmara Municipal de Mossoró, vereadora Izabel Montenegro (PMDB), utilizou a Tribuna da Casa Legislativa para fazer a prestação de contas da sua gestão como presidente, durante a sessão dessa terça-feira (12).

“Quando começamos essa gestão honramos dívidas e iniciamos os pagamentos dos direitos dos assessores dos vereadores. Estamos pagando todos os direitos em dia e reduzimos despesas com sessões solenes. Estamos conseguindo cumprir a lei de responsabilidade fiscal sem precisar demitir nenhum funcionário.”, destacou Izabel.

Izabel Montenegro citou a transparência da atual gestão. “Todos os gastos e salários podem ser checados no Portal da Transparência.”. A presidente destacou, ainda, que os salários dos vereadores não são tão altos como muita gente imagina. “As informações estão todas no portal da transparência. Os vereadores não têm verba de gabinete. Muitas pessoas acham que recebemos auxílio moradia, auxílio paletó e isso não acontece.”.

Os vereadores parabenizaram a presidente pela gestão à frente da Câmara. “Realmente é uma gestão transparente e responsável.”, disse Aline Couto (PHS). “Parabéns pela sua humildade e honestidade na administração da Câmara.”, finalizou Maria das Malhas (PSD).

Vereadores cobram pagamento dos terceirizados da Prefeitura

Os vereadores da Câmara Municipal de Mossoró cobraram mais uma vez o pagamento dos terceirizados que prestam serviços à Prefeitura de Mossoró, durante a sessão dessa terça-feira (12). Os terceirizados alegam que estão há meses com salários atrasados.


“Semana passada fizemos uma reunião com esses trabalhadores que nos relataram o atraso no salário. Queremos a presença de alguém da prefeitura e de representantes das terceirizadas para cobrar explicações sobre esse atraso.”, disse Ozaniel Mesquita (PR). Aline Couto (PHS) também reforçou a cobrança durante discurso na sessão de hoje. “A prefeitura tem que resolver a situação desses funcionários, que é inadmissível.”.

A vereadora Izabel Montenegro (PMDB) destacou a luta dos vereadores para que o problema seja resolvido. “Todo vereador tem interesse que o pagamento seja feito o mais rápido possível. Estamos sempre entrando em contato com a prefeitura e essa Casa vai continuar cobrando. A Câmara está fazendo seu papel que é reivindicar o direito desses trabalhadores.”.

Assessoria de Imprensa – CMM
Fotos: Edilberto Barros